sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Amorim proibido de entrar em Honduras


Celso Ratito Amorim, ministro das Relações Exteriores do Brasil, está proibido de entrar em Honduras. Ratito é o carinhoso apelido que ele recebeu do povo hondurenho que, ontem, saiu às ruas para apoiar o governo democrático do país e para gritar "Lula, Lula, leva esta mula!". O governo brasileiro anda dizendo que Ratito Amorim declinou do convite. Que nada. É persona non grata.

Um comentário:

sicário disse...

Ratito? Não resia ratazana?
Craitura criada no esgoto cubano , como muitos outros.
É uma pena...que nós brasileiros não possamos fazer isto com ele muitos outros.

Deus,pátria,família e liberdade.